A maioria das pessoas, com a idade, vai ficando com dentes amarelados. Isso acontece por causa do famoso cafezinho, por conta da tal Coca-Cola, do cigarro, do vinho ou até mesmo por causas naturais ou genéticas.

Vontade de ter os dentes brancos todo mundo tem, não é mesmo? Mas tem tantos mitos sobre o clareamento dentário que a gente fica na dúvida se ele faz bem para os dentes, se vai combinar com nosso tom de pele, se vai doer… Nossa, são inúmeras dúvidas.

Primeiramente, qualquer pessoa pode realizar clareamento dentário caseiro ou a laser, mas cáries e doenças bucais precisam ser tratadas antes. Mulheres grávidas também devem esperar o nascimento do bebê para iniciar o tratamento.

O clareamento dentário não deve ser feito sem a supervisão de um dentista, que preparará a moldeira personalizada e disponibilizará o gel clareador ao paciente. Além disso, o produto só faz efeito sobre os dentes, ou seja, no final, as restaurações em resina ou em porcelana da cor natural dos dentes precisarão ser substituídas por outras mais brancas. O que também só poderá ser sob supervisão profissional.

Vários artigos científicos provam que o clareamento dentário não enfraquece os dentes e nem o esmalte. A maioria das pessoas não apresenta efeito colateral. Porém, alguns pacientes reclamam de maior sensibilidade ao frio ou ao quente, que pode ser resolvida com analgésicos e só acontece durante o uso do gel.

A duração do seu clareamento dentário misto vai depender dos seus hábitos alimentares. Pessoas que não fumam ou não tomam bebidas com corantes, como café, refrigerante ou vinho, podem ter dentes brancos por até cinco anos.

 

O clareamento dental é a opção ideal para quem quer ter dentes brancos. Quanto custa o clareamento dental vai depender da técnica que você escolher. Existe o clareamento dentário caseiro, a laser ou misto. Entenda tudo sobre eles.

  • Clareamento dental caseiro: embora pareça que pode ser todo feito em casa, esse tipo de clareamento dentário precisa de supervisão profissional. Para começar, uma moldeira de silicone é projetada especialmente para cada paciente. Depois, odentista fornece o gel clareador ideal para que o paciente aplique na moldeira e consiga clarear os dentes de forma segura, em casa. Com relação ao preço, é o procedimento maisbarato. E aliado a outras técnicas, pode ter maior eficácia.
  • Clareamento dental a laser: um gel clareador de alta concentração é aplicado de duas a três vezes na mesma sessão. O laser é usado para intensificar ainda mais o processo de clarear dentes. Aconselham-se cerca de cinco sessões, mas os resultados são nítidos desde a primeira. E, diferente do que muitos pensam, o paciente não sente nenhuma dor durante o procedimento. Algumas pessoas alegam apenas um aumento da sensibilidade.
  • Clareamento dental misto: é o método mais recomendado , porque mescla as duas técnicas acima e é o mais eficaz. Sendo assim, em um dia é feito o clareamento caseiro e no outro o clareamento dentário a laser. O resultado? Dentes brancos como você sempre sonhou em cerca de 10 dias.